Sites Grátis no Comunidades.net
ONLINE
1




Get the Flash Player to see this player.

 

 

 

 

 


Árvores: Aroeira
Árvores: Aroeira

Myracroduon urundeuva Fr. All Família Anacardiaceae




Nomes Populares
Urundeúva, aroeira, aroeira-do-sertão(C),
aroeira-do-campo, aroeira-da-serra, urindeúva,
arindeúva

Sinonímia Botânica
Astronium juglandifolium Griseb.,
Astronium urundeuva (Fr. All.) Engl.

Características Morfológicas
Altura de seis a catorze metros no cerrado e caatinga e
até vinte a vinte e cinco metros em solos mais férteis
da floresta latifoliada semidecídua, com tronco de cincoenta
a oitenta centímetros de diâmetro. .

Ocorrência
Ocorre desde o Ceará até o estado do Paraná e
Mato Grosso do Sul. É mais frequente no nordeste do país,
oeste dos estados da Bahia, Minas Gerais,
São Paulo e sul dos estados de Mato Grosso do Sul,
Mato Grosso e Goiás.




Madeira
Madeira muito pesada (densidade 1,19 g/cm3),
de grande resistência mecânica e praticamente imputrescível;
alburno diferenciado do cerne e facilmente decomposto.




Fenologia
Floresce durante os meses de junho a julho, geralmente
com a planta totalmente despida de sua folhagem. A maturação
completa dos frutos inicia-se no final do mês de setembro,
prolongando-se até outubro.

Utilidade
A madeira é excelente para obras externas, como postes,
moirões, esteios, estacas, dormentes, vigas e armações
de pontes, moendas de engenho, na construção civil,
como caibros, vigas, tacos para assoalhos, ripas, para peças torneadas, etc.
A árvore, pela beleza de sua copa aproximadamente piramidal
e, por outras qualidades ornamentais, é indicada para
arborização em geral. Seu único incoveniente
é a perda das folhas durante o inverno e o fato de provocar
reações alérgicas a certas pessoas sensíveis
que entrem em contato.